Mercado internacional do milho continua de olho no clima da América do Sul

Além de irregularidades no regime de chuvas em diversos polos de cultivo, as temperaturas tendem a ficar bem acima da média nos próximos dias, principalmente na região Centro-Oeste do Brasil
Imagem do autor
- Especial para Rural News
Publicado em 13/12/2023

Os contratos negociados com milho em Chicago operam com perdas de 4 cents, a U$ 4,81/março, neste momento, manhã de quarta-feira. Ontem, houve ganhos entre 2 e 3 cents nos contratos mais próximos. Na BMF, janeiro opera em R$ 73,15 (+0,5%) e março a R$ 77,00 (0,0%).

O mercado internacional segue atento ao que se passa na América do Sul. Além de irregularidades no regime de chuvas em diversos polos de cultivo, as temperaturas tendem a ficar bem acima da média nos próximos dias, principalmente na região Centro-Oeste do Brasil. Outro ponto de observação é o atraso no plantio da safra de soja, o que deverá limitar a área semeada com milho de segunda safra.


Nos EUA está sendo discutida a possibilidade de que o uso de combustíveis renováveis na aviação, como o etanol, tenha benefícios tributários. Isso poderia aumentar a demanda por etanol e, consequentemente, para o milho.


Segundo a ANEC, as exportações de milho brasileiro devem ultrapassar 7,0MT neste mês de dezembro. Em novembro foram 7,4MT. Até agora as exportações desta temporada alcançam 46,0MT e devem bater o recorde histórico até fins de janeiro, término desta estação, com algo entre 53,0 a 55,0MT.


Indicações de compra na faixa entre R$ 59,00/61,00 no oeste do estado do Paraná e em Paranaguá, entre R$ 65,00/68,00 – dependendo de prazos de pagamento e, no interior, também da localização do lote.

Sobre o autor

Possui graduação em Jornalismo pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos(1981), graduação em Economia pela Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Cascavel(1985), especialização em Teoria Econômica pela Universidade Federal do Paraná(1989) e mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina(2001). Tem experiência na área de Economia. Atuando principalmente nos seguintes temas:Maximização da Renda, Informação, Comercialização. É diretor da Corretora Granoeste, de Cascavel/PR.
TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Destaques
Mais lidas
1
Agro é destaque no fechamento do PIB nacional de 2023
2
Pecuária leiteira vive seu pior momento no Brasil, apontam líderes do setor
3
24ª Expodireto Cotrijal começa nesta segunda-feira
4
Decisão do Ibama divide opiniões sobre uso de inseticida letal a abelhas
5
Despejo de chorume rende multa a empresa ambiental
6
Exportação de gengibre cresce 114% em janeiro no Espírito Santo
7
Fábrica de fertilizantes de MG deve ser inaugurada dia 13
8
Pavilhão da Agricultura Familiar promete ser um dos destaques da 24ª Expodireto Cotrijal
9
RS terá uma rápida prévia do outono
10
Média nominal da mandioca cai para níveis de 2021
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.