Completando 90 anos no Brasil, raça Ideal quase triplica rendimento de lã e carne

O plantel da raça de ovelhas que veio do Uruguai é reconhecido pela qualidade de lã fina e pelo rendimento em carne

Publicado em 10/01/2024

A raça de ovinos Ideal completa 90 anos no Brasil neste ano de 2024, com o plantel da raça sendo reconhecido pela qualidade de lã fina e pelo rendimento em carne. A história da raça Ideal começou em 1934, na Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul, conta o médico veterinário, radialista e criador Cicico Dornelles. “Segundo os livros, a criação começou pela aquisição de animais uruguaios que se mostraram muito produtivos em lã de altíssima qualidade”, informa.

Se lá nos anos 1930 a raça já desempenhou bem nos campos gaúchos, hoje os números mostram o quanto os ovinos da raça Ideal se desenvolveram neste período. O presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Ideal, Milton Fernandes, afirma que na época da introdução da raça, o rendimento médio em lã de um carneiro era de quatro a cinco quilos, e um animal adulto chegava aos 60 quilos. “Hoje, o rendimento em lã é de 12 a 15 quilos, e um animal adulto pode chegar a 110kg”, revela Fernandes.

Raça comemora 90 anos no Brasil destacando aptidão também para a  sustentabilidade
Raça comemora 90 anos no Brasil destacando aptidão também para a sustentabilidade

Nestes 90 anos, o número de cabeças passou por oscilações que seguiram os ritmos do mercado para a lã e carne de ovinos. “Mas a raça ideal vem buscando abertura de mercados e a valorização da lã de qualidade que hoje está presente na alta costura em várias partes do mundo”, frisa Fernandes. Além disso, destaca o presidente, a carne vem ganhando espaço na preferência dos consumidores, muito ligada ao churrasco e a alta gastronomia, mas há a perspectiva de atuar também levando novos cortes e adaptação para o consumo no dia a dia.

Queremos chegar a um século com um produtor tendo rentabilidade cada vez maior e melhorando tanto em lã quanto em carne
Milton Fernandes, presidente da Associação Brasileira dos Criadores de Ideal

Além das características dos produtos obtidos através da criação, o presidente da ABCI destaca a rusticidade dos animais a campo. “São animais que se submetidos a condições de estresse sobrevivem e produzem muito bem. Em rotação com agricultura, permite uma carga elevada de animais por hectare, promovendo altas produtividades.”


Os primeiros festejos dos 90 anos da raça Ideal no Brasil começam esta semana, na Agrovino, feira realizada em Bagé. Na sequência, a Feovelha, que também tem data comemorativa (40 anos), em Pinheiro Machado e, ainda no mês de janeiro, Expofeira de Ovinos em Herval. Logo mais, em maio, a Fenovinos, realizada em Santa Margarida do Sul também marcará comemorações da data. Em todos os eventos, produtores reconhecidos pelo apoio à difusão da raça serão homenageados. Giras técnicas, seminários, capacitações e outros eventos farão parte da programação da raça ao longo do ano.

Além de comemorar, a Associação Brasileira de Criadores de ideal quer realizar o reconhecimento dos esforços dos criadores, pesquisadores e entusiastas que vem contribuindo para que a Ideal seja cada vez mais importante na ovinocultura gaúcha. Para chegar aos 100 anos, o objetivo da entidade é aumentar o número de criadores e associados e divulgar a versatilidade e qualidade da raça. “”, completa o presidente Milton Fernandes.

TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Destaques
Mais lidas
1
Agro é destaque no fechamento do PIB nacional de 2023
2
Pecuária leiteira vive seu pior momento no Brasil, apontam líderes do setor
3
24ª Expodireto Cotrijal começa nesta segunda-feira
4
Decisão do Ibama divide opiniões sobre uso de inseticida letal a abelhas
5
Despejo de chorume rende multa a empresa ambiental
6
Exportação de gengibre cresce 114% em janeiro no Espírito Santo
7
Fábrica de fertilizantes de MG deve ser inaugurada dia 13
8
RS terá uma rápida prévia do outono
9
Pavilhão da Agricultura Familiar promete ser um dos destaques da 24ª Expodireto Cotrijal
10
Média nominal da mandioca cai para níveis de 2021
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.