Aprosoja BR orienta produtor de soja a não vender safra nem comprar insumos

Entidade teme descapitalização do setor e inadimplência em dívidas bancárias
Imagem do autor

Publicado em 10/02/2024

Em nota emitida nesta sexta-feira (9), a Aprosoja Brasil faz um alerta importante aos produtores de soja e milho do país sobre cautela e os cuidados antes de fecharem negócios nos próximos meses.A entidade recomenda não fechar vendas imediatas nem futuras, não adiantem compras de insumos nem investir em ampliação de área. A nota frisa o risco de compras de fertilizantes, cujos preços aumentaram nas últimas três safras"Com os preços atuais abaixo dos 100 reais por saca, pela primeira vez em três anos, houve, em média, redução de 33% da receita da atividade em comparação com a safra passada. No início do plantio da safra 2023/2024, as contas estavam dando algum lucro ou empatando, em algumas praças, se houvesse uma boa produtividade. Porém, com as perdas em função de fatores climáticos, as margens já estão negativas em muitos estados.", diz a nota.

Dados do Imea (Instituto Mato-grossense de Economia Aplçicada) , divulgados dia 11 de janeiro na Câmara Setorial da Soja, apontavam que para cotação de R$ 100 a saca e produtividade estimada de 50 sacas por hectare. A margem de lucro seria de R$ 128. O valor, segundo a Aprosoja, indica a incapacidade de pagamento de parcelas de investimentos.
País ainda não colheu maior parte da plantação de soja. Foto: Agência Brasil
País ainda não colheu maior parte da plantação de soja. Foto: Agência Brasil

"Considerando que a colheita chegou a 20% da safra em nível nacional, os produtores ainda enfrentam alta incidência de doenças, anomalias fisiológicas, prognóstico climático pouco animador, ainda são esperadas perdas maiores para a safra. No caso de Mato Grosso, a média estimada pela Aprosoja é de 49 sacas por hectare, até o momento."A nota acrescenta: "Com um consumo de 56,8 milhões de toneladas e a previsão de 98,4 milhões de toneladas para exportação, *estoques iniciais de milhões 3,5 milhões de toneladas*, isto por si só representaria um estoque final negativo de 2,8 milhões de toneladas, já considerando uma importação de 600 mil toneladas de soja.
TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.