Safra de grãos do Paraná será 17% menor neste ano, prevê o Deral

Soja, milho e feijão tiveram produtividade afetada por variações climáticas
Imagem do autor

Publicado em 01/03/2024

A safra de grãos do Paraná deverá ser 17% menor neste ano, em comparação ao ciclo anterior. A estimativa consta de novo (Departamento de Economia Rural), da Secretaria estadual da Agricultura e do Abastecimento, divulgado nesta quinta-feira (29).Os técnicos preveem que o estado deve colher 21,12 milhões de toneladas de grãos em uma área de 6,2 milhões de hectares. No relatório de janeiro, a estimativa era de 22,1 milhões de toneladas.O percentual do estado considera as 25,5 milhões de toneladas esperadas no começo do ciclo. Em comparação ao volume colhido na safra de Verão 2022/2023, de 26,67 milhões de toneladas, a redução será de 21%.O Deral aponta como causas o calor intenso, poucas chuvas e precipitações mal distribuídas, a partir da segunda quinzena de dezembro do ano passado.Uma nova estimativa deve ser divulgada no final de março.

Soja

A produção de soja deve ser de 18,23 milhões de toneladas, 16,4% menor que a precisão inicial, de 21,8 milhões.
Colheita em fase inicial já revela perdas na produção de sojarr
Colheita em fase inicial já revela perdas na produção de sojarr

Milho

A primeira safra de milho será próxima de 2,59 milhões de toneladas -12,6% menor que o previsto em janeiro (2,9 milhões).

Feijão

A produção de feijão deve ser de 167,2 mil toneladas, com quebra de 23% em relação ao previsto anteriormente, de 216 mil toneladas.


TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Destaques
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.