Cotações da mandioca recuam menos, apesar da oferta elevada

De acordo com pesquisadores do Cepea, os compradores estão demonstrando um aumento no interesse em adquirir a matéria-prima nas condições oferecidas pelos produtores, resultando em uma redução na pressão sobre os valores

Publicado em 11/03/2024

O volume de mandioca ofertado segue alto neste início de março, mas as quedas de preços têm sido menos intensas. Isso porque, segundo pesquisadores do Cepea, compradores aumentaram o interesse em adquirir a matéria-prima nas condições oferecidas pelos produtores, exercendo menor pressão sobre os valores. Entre 4 e 8 de março, a tonelada de mandioca posta fecularia foi comercializada à média nominal a prazo de R$ 452,67, caindo 0,9% em relação à semana anterior. Porém, em termos reais – deflacionamento pelo IGP-DI –, a desvalorização em 12 meses é de expressivos 57,8%.

TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Texto publicado originalmente em

Destaques
Mais lidas
1
Máquina utiliza Inteligência Artificial para fazer seleção de grãos
2
Aurora Coop inaugura indústria de processamento de carne de R$ 587 milhões
3
Safra de grãos será 25 milhões de toneladas a menos que anterior
4
Cercas e arames com alta tecnologia são destaque da Belgo na Tecnoshow
5
Artesanato local também teve o seu espaço na Tecnoshow
6
Mato Grosso do Sul terá a maior unidade de bovinos da América Latina
7
Aumento de casos de anomalia da soja preocupa no Sul
8
Maior feira da América Latina, Agrishow ainda fica devendo em infraestrutura
9
Tecnoshow Comigo movimentou R$ 9,340 bilhões em negócios
10
Corteva apresenta na Tecnoshow solução biológica fixadora de nitrogênio
11
Soja tem valor bruto de produção reduzido em um quinto
12
Oferta segue elevada mas demanda firme estabiliza as cotações da tilápia
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.