Anta Gorda celebra a 6ª Abertura Oficial da Colheita da Noz-Pecã

O RS é o maior produtor nacional de pecã e responde por cerca de 70% da produção do País
Imagem do autor

Publicado em 27/03/2024

O pomar das Nozes Pitol, em Anta Gorda (RS), será o palco da 6ª Abertura Oficial da Colheita da Noz-Pecã. O evento, que contará, ainda, com a realização do VI Seminário Técnico da Cultura da Noz-Pecã, será no dia 25 de abril, com palestras e painéis nacionais e internacionais iniciando às 9h. O ato da abertura da colheita será às 15h.

O Rio Grande do Sul é o maior produtor nacional de noz-pecã (Carya illinoinensis) e responde por cerca de 70% da produção do País. Em 2024, a produção foi de 7 mil toneladas do fruto, que é umaárvore nativa do Norte doMéxico. A cultura está distribuída em várias regiões do Estado e conforme levantamento da Emater-RS/Ascar feito em 2023, existem 1.502 produtores de pecã, totalizando 7 mil hectares cultivados. Neste ano, o excesso de chuvas, principalmente durante o período de polinização, prejudicou a cultura e a safra estadual deverá ser menor, entre 4 mil e 5 mil toneladas.
noz-peça ajuda na diversificação da propriedade e agrega renda
noz-peça ajuda na diversificação da propriedade e agrega renda

O presidente do Instituto Brasileiro de Pecanicultura (IBPecan), Eduardo Basso, explica que, no evento técnico, especialistas falarão sobre cuidados importantes no momento da colheita, sobre conservação e como manter as qualidades características de sabor e aparência das pecans por mais de seis meses.

Ele conta que, também, será apresentada a experiência de mexicanos sobre avaliação do produto no momento em que entregam para a indústria. “Um sistema de pontos em que cada produtor recebe um valor de acordo com a qualidade que está entregando. De modo que quem faz uma boa qualidade recebe um bom preço por parte da indústria”, detalha.

Para o dirigente, o ato de abertura da colheita também servirá para mostrar a realidade do produtor perante autoridades políticas que se farão presentes. “Vamos falar sobre os principais problemas que nós temos, compartilhar uma visão de futuro do setor e apresentar as principais necessidades, especialmente sobre irrigação, assistência técnica e novas tecnologias para o setor da pecan”, detalha Basso.
Programação

Seminário Técnico

Local: Parque Municipal de Eventos Aldi João Bisleri
9h15min - Tema: Cuidados no momento da colheita e da preparação e conservação para o embarque para exportação ou para o mercado interno - controle de qualidade das nozes

Painelista: Técnico Superior em Tecnologia de alimentos Pablo Horário Satti (Argentina)

Moderador: Jaceguáy Barros - Pecanita Agroindustrial
10h15min - Tema: Novos produtos com base em pecan visando consolidar e ampliar mercados

Painelista: Victória Pitol - Nozes Pitol

Claiton Walauer - Pecanita Agroindustrial

Gabriela da Rocha Lemos Mendes - Senai

Moderador: Paulo Lipp - SEAPI

11h35min - Tema: Sistema de precificação de nozes pelo conteúdo adotado por EUA e México

Painelista: Daniel Basso - São Miguel Comércio e Participações

Moderador: Demian Segatto da Costa - IBPecan

12h15min - Almoço no restaurante do parque e visitação à 8ª Festleite

Abertura da Colheita

Local: Pomar Nozes Pitol - Linha Doutor Carlos Barbosa

14h - Mostra de Maquinários e Equipamentos

15h - Cerimônia de Abertura Oficial da Colheita da Noz-Pecã

16h30min - Pecã-break

17h - Encerramento


TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Destaques
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.