Após atingir R$ 4,3/LP, indicador do algodão volta para a casa dos R$ 4,2/LP

Vendedores se mostram capitalizados, mantendo-se firmes nos valores pedidos, respaldados nos atuais patamares externos.

Publicado em 28/02/2024

Depois de superar os R$ 4,30 por libra-peso no último dia 20 de fevereiro, o Indicador CEPEA/ESALQ do algodão em pluma voltou a oscilar na casa dos R$ 4,20/lp. Na parcial do mês (até o dia 26), porém, acumula alta de 6,4%. Segundo pesquisadores do Cepea, vendedores se mostram capitalizados, mantendo-se firmes nos valores pedidos, respaldados nos atuais patamares externos. Produtores estão atentos ao bom desenvolvimento do algodão da safra 2023/24, enquanto os que ainda detêm a pluma da temporada 2022/23 buscam boas oportunidades de venda. Comerciantes dão prioridade para realizar negócios “casados”. Algumas indústrias, por sua vez, têm procurado adquirir a fibra para o curto prazo e também para novos contratos a termo, ainda que de forma cautelosa, devido ao repasse dos custos aos manufaturados. Empresas com maior necessidade de compra no spot ofertam valores maiores, na tentativa de atrair vendedores, especialmente para lotes de qualidade superior, conforme pesquisadores do Cepea.

TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Texto publicado originalmente em

Destaques
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.