Preço do leite cai no terceiro trimestre e impacta setor de lácteos

No mesmo período, o leite teve um crescimento de apenas 1% no volume de vendas e retração vai afetar faturamento do segmento de laticínios

Publicado em 09/12/2023

Estudo mostra que houve uma retração de 8% nos preços dos produtos lácteos no terceiro trimestre de 2023, em comparação ao ano anterior. A queda impactou negativamente o faturamento do setor varejista alimentar, segundo o estudo realizado pela Scanntech, líder em inteligência de dados para o varejo. O relatório mostra que no período o leite teve um crescimento de apenas 1% no volume de vendas e uma redução de 6% no faturamento. Desde julho - quando a retração nos preços dos produtos lácteos atingiu 13% - os preços dos lácteos tem desacelerado, chegando em a -3%.

Segundo a Scanntech, uma das razões para a queda é o enfraquecimento do consumo e o aumento das importações. Com o aumento da oferta do produto, mesmo durante o período de entressafra, houve uma pressão descendente sobre os preços. O estudo também destaca outros dois itens da cesta de lácteos: o queijo e o iogurte. O primeiro teve uma redução de 15% no preço no terceiro trimestre em comparação com 2022, enquanto o segundo apresentou um aumento de 10% no preço. No entanto, o volume de vendas de queijo em 2023 foi 8% maior em relação ao ano anterior, enquanto o de iogurte aumentou apenas 1%.
Leite faz parte da cesta de mercearia básica que é a maior detratora nos preços em 2023
Leite faz parte da cesta de mercearia básica que é a maior detratora nos preços em 2023

Entre os diversos tipos de queijo, a muçarela lidera com 61,6% do faturamento da categoria no terceiro trimestre de 2023, seguida pelo queijo tipo prato, com 8,6%. Nesse período, o preço da muçarela caiu 20%, o que resultou em um aumento de 14,2% no volume vendido em comparação com o mesmo período de 2022. O queijo tipo prato, por outro lado, teve uma queda de preço de 11% e seu volume de vendas diminuiu 0,4%. Em relação à preferência de pesagem de queijos, os consumidores brasileiros optam por unidades de peso fixo (embalagens fechadas) em vez de variáveis (a granel).
TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Destaques
Mais lidas
1
Detalhado projeto da nova fábrica da Mahindra no RS
2
Ano se inicia com preços do IPPA em queda
3
Após dia de alta, Commodities voltam a cair em Chicago
4
Indicador do algodão sobe e já opera na casa do R$ 4,2/LP
5
Começa hoje a Abertura Oficial da Colheita do Arroz no RS
6
Chuvas em fevereiro aliviam situação de lavoras de café
7
Preços da arroba do boi e da carne seguem pressionadas
8
Indicador do arroz retoma patamar de nov/23
9
Mais um dia de forte queda para o complexo da soja em Chicago
10
Dia de muita chuva em grande parte do Brasil
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.