INÍCIO AGRICULTURA Commodities

Soja volta aos menores patamares do ano em Chicago

A queda no mercado de óleos ajudou a pressionar o derivado da soja e portanto o grão
Rodrigo Trage
- Especial para Rural News
Publicado em 18/04/2024

Esta quinta-feira, 18, foi mais um dia de forte queda para os futuros da soja na CBOT. Neste pregão a soja voltou para os menores níveis do ano, caindo 15 cents/bushel (-1,31%). A queda no mercado de óleos ajudou a pressionar o derivado da soja e consequentemente o grão. O óleo encerrou com uma queda de 1,96% e o farelo caiu 0,71%.

Outra questão que vem impactando no preço desse complexo está relacionada à taxação de ferro importado da China. Basicamente isso aumenta a possibilidade de uma guerra comercial que vá impactar nas exportações da soja para a China. E com a influência da soja, o milho caiu 0,81%, e as vendas mais lentas também pressionam o cereal. Mas apesar da queda das outras commodities, o trigo conseguiu fechar estável nessa sessão.

Brasil

Na B3 o contrato maio do milho também recuou, em 0,46%, contando com um dólar um pouco mais fraco do que visto na semana e da melhora das condições nas lavouras conferidas pelo excelente volume de chuvas ao longo da última semana.

Na macroeconomia o dia foi pautado principalmente por fala de membros do comitê de política monetária dos EUA. Nesse sentido não há nada de novo. Os membros reforçaram a visão de que a inflação continua forte, o que torna difícil determinar quando deve se iniciar o ciclo de cortes nas taxas de juros. As bolsas na Ásia encerraram em alta. Shanghai com +0,09%, Hang Seng +0,95%.

E a Europa também fechou toda em alta, o Euro Stoxx 50 se apreciou em +0,47%, enquanto a bolsa que mais subiu por lá foi a espanhola, com +1,23%. Nos EUA houve mais um dia negativo. A SP 500 caiu 0,25%, e a NASDAQ -0,52%. O índice brasileiro fechou estável com apenas +0,02% de ganho.


Sobre o autor Rodrigo Trage

Sócio da Granoeste Investimentos desde 2016, graduado em Ciência da Computação pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná e MBA em Inteligência Financeira pela Universidade Positivo. Especialista em renda variável de mercados globais e nacionais. Correspondente Bancário FBB100. Profissional credenciado junto a CVM como Agente Autônomo de Investimentos.
TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!
Destaques
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nossos termos de privacidade e consentimento da nossa Política de Privacidade.