Pecuária de corte 19/03/2024

Maldivas é destino do primeiro lote de carne certificada Angus exportada

Em 2023, as exportações brasileiras de carne Angus certificada cresceram 68% em volume, somando 2,8 mil de toneladas

O frigorífico Zimmer, de Parobé (RS), embarcou o primeiro lote de carne Angus certificada para as ilhas Maldivas, na Ásia

Redação em Porto Alegre/RS

A abertura de novos mercados faz parte dos esforços da Associação Brasileira de Angus (ABA) em diversificar os destinos da Carne Angus Certificada.Somente no ano passado a carne angus certificada foi exportada para 18 países, sendo a China o principal deles com 43% na participação no volume exportado (1,2 mil toneladas). “Temos ampliado os destinos e, no ano passado, abrimos mercados diferenciados como a Espanha, Curaçau, República de Dijibout e República do Congo”, afirma a gerente nacional da Carne Angus Certificada, Ana Doralina Menezes.. Os cortes especiais, com abate Halal, têm como destino seis hotéis em Maldivas, incluindo Hard Rock Hotel, Emerald, Shaffan, entre outros. As exportações brasileiras de Carne Angus Certificada cresceram 68% em volume em 2023, somando 2,8 mil de toneladas, contra 1,8 mil toneladas em 2022. Foram abatidas 502 mil cabeças de gado, com rendimento de 81 quilos de carne por animal. Entre os cortes mais vendidos, estão o entrecot, o contra-filé, e o filé mignon, além de cortes do dianteiro.

O que é Carne Angus Certificada

O Programa Carne Angus Certificada, comandado pela Associação Brasileira de Angus, opera com abates em 45 frigoríficos, pertencentes a 25 indústrias parceiras, em 11 estados brasileiros. Em 20 anos de programa já são mais de 5,5 milhões de animais Angus abatidos, 27 mil propriedades rurais participantes, 35 países compradores e faturamento superior a US$ 54 milhões.
Entramos em um seleto grupo de produtos premium para o preparo de pratos nos restaurantes mais requintados e visitados por turistas do mundo
André Zimmer, diretor do frigorífico Zimmer
“O Programa Carne Angus Certificada é um case de sucesso, que valoriza a genética angus, oferecendo ao mercado uma carne premium certificada, integrando a cadeia produtiva e gerando reconhecimento e valorização de todos os elos da cadeia produtiva da pecuária”, conclui Ana Doralina.

TAGS: Angus - Carne Angus Certificada - Exportações - ABA