Contratos negociados com milho têm perdas de 3 cents em Chicago

Mercado reagiu com fortes ganhos aos relatórios do USDA e fechou com alta de 15 cents
Imagem do autor

Publicado em 01/04/2024

Em Chicago, os contratos negociados com milho registram perdas de 3 cents neste momento, manhã de segunda-feira, a U$ 4,38/maio. Na última sessão da semana passada, o mercado reagiu com fortes ganhos aos relatórios do USDA e fechou com alta de 15 cents em todos os principais vencimentos. Na BMF, a posição maio trabalha em R$ 60,40 (+0,15%) e setembro R$ 61,50 (+0,3%).Os dois relatórios, de estoques trimestrais e de plantio, foram positivos para o milho ao mostrarem números abaixo do esperado pelo mercado.De acordo com levantamento do USDA, os produtores norte-americanos devem semear 36,42MH de milho na temporada 2024/25, cujo plantio começa agora em abril e se intensifica em maio. Isto representa um corte de 4,9% sobre os 38,28MH semeados na campanha passada. O mercado esperava algo como 37,23MH.Em relação aos estoques de milho em solo norte-americano em primeiro de março, o levantamento mostrou a existência de 212,03MT, aumento de quase 13% sobre as 187,87MT do mesmo momento do ano passado, mas cerca de 2,5MT abaixo do que era imaginado pelo mercado. O fato de contrariar as expectativas acabou sendo positivo para os preços. No Paraná, o Departamento de Economia Rural (DERAL) estima a segunda safra de milho em 14,22MT, ante 14,26MT do ciclo passado. Já, a safra de verão é estimada em 2,55MT, contra 3,84MT do ciclo anterior.No RS, principal estado produtor de milho verão, a Emater avalia que a colheita chega a 75%, ante 77% do mesmo ponto do ano passado. Enquanto isto, na Argentina, os trabalhos de coleta alcançam 7%, ante 10% da mesma data do ano passado, informa o Ministério da Agricultura do país.No Brasil, com o plantio praticamente concluído, a expectativa fica por conta do andamento do clima, em um ano marcado por drásticas irregularidades. No oeste do Paraná, indicações de compra na faixa entre R$ 55,00/56,00 – dependendo de prazos de pagamento e localização do lote. CÂMBIO – Dólar opera em alta neste momento, a R$ 5,03. No último pregão da semana passada, fechou em R$ 5,014.


colheita do milho
colheita do milho
TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Destaques
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.