Soja luta pelos US$ 12 o bushel, mas termina o dia em queda

Trigo e milho também fecharam o dia com registros no vermelho

Publicado em 14/03/2024

Esta quinta-feira (14) foi marcada por uma queda de braço entre vendedores e compradores de soja. A volatilidade nos preços na bolsa de Chicago derrubou a sonhada fixação de US$ 12 o bushel, como alcançado nos últimos dias. E, os compradores venceram a batalha, com a cotação encerrando o dia em US$ 11,9525 o bushel, com queda de 0,13% nos contratos para maio.


Dia foi de batalha entre compradores e vendedores de soja na CBOT
Dia foi de batalha entre compradores e vendedores de soja na CBOT

Trigo

A fraca demanda por trigo dos Estados Unidos dificultou a manutenção de alta nos preços do cereal na bolsa de Chicago e os contratos com entrega para maio caíram 2,20% nesta quinta, para a US$ 5,3225 o bushel.

Outro fator foram os cancelamentos de compras pela China, na semana passada. Isto afetou fortemente o mercado de de trigo americano, com redução de 69% nos negócios, na primeira semana de março. Foram negociadas 83,8 mil toneladas, segundo o USDA, o Departamento de Agricultura dos EUA.


Milho

O milho fechou a sessão de hoje em Chicago com preços em queda. A causa apontada pelas consultorias foi a forte retração da demanda no mercado internacional. Contratos para maio foram fechados com recuo de 1,7%, a US$ 4,3375 o bushel.



Ibovespa

No Brasil, o índice Bovespa fechou em queda de 0,25%, a 127.6 mil pontos, seguindo o movimento de baixa nos EUA, onde os principais índices também terminaram o dia no negativo.


Câmbio

O dólar comercial terminou em alta de 0,22%, a R$ 4,98



TAGS:
COMENTÁRIOS

O QUE VOCÊ ACHOU DESSE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO...

Destaques
Assine nossa NEWSLETTER
Notícias diárias no seu email!



Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.