Avicultura 02/02/2024

Preço da carne cai em janeiro, frango vivo se sustenta

O frango vivo se sustentou no período, refletindo estratégia do setor de ajustar o alojamento de aves de corte com a demanda interna

CEPEA/Esalq

Levantamento do Cepea mostra que os preços da carne de frango caíram em janeiro. A pressão, segundo pesquisadores deste Centro, veio do aumento da disponibilidade interna decorrente da queda nas exportações e da demanda doméstica enfraquecida (despesas extras da população e recesso escolar).
No atacado da Grande São Paulo, a cotação média do frango inteiro resfriado foi de R$ 7,03/kg no primeiro mês do ano, retração de 2,6% frente à de dez/23. Para o produto congelado, a baixa foi de 2,5%, a R$ 7,04/kg. Já o frango vivo se sustentou no período, refletindo estratégia do setor de ajustar o alojamento de aves de corte com a demanda interna. O preço médio do animal no estado de São Paulo foi de R$ 5,11/kg, praticamente estável (-0,2%) em relação ao mês anterior. Vale lembrar que, em junho de 2023, o vivo havia sido cotado ao menor desde fevereiro de 2021, de R$ 4,44/kg.

TAGS: avicultura - frango vivo - carne de frango - cepea


Texto publicado originalmente em https://www.cepea.esalq.usp.br/br/diarias-de-mercado/frango-cepea-preco-da-carne-cai-em-janeiro-vivo-se-sustenta.aspx